Uber ainda levará anos até se tornar lucrativa, afirma executivo

Apesar de ser o aplicativo de transporte mais popular do mundo, a Uber não gera lucro. Em maio, a companhia divulgou um prejuízo de US$ 1 bilhão no primeiro trimestre de 2019, e a situação não deve mudar em breve, segundo o seu diretor de tecnologia, Thuan Pham.

Em um evento na manhã desta última terça (9) em Hong Kong, o executivo afirmou que a empresa ainda levará “alguns anos” para se tornar rentável. Pham apontou o alto nível de competitividade do setor de transportes e o baixo retorno que a Uber recebe das transações como principais motivos para as contas não saírem do vermelho.

Mas Uber já tem um plano para reverter o quadro. De acordo com o executivo, a companhia irá focar seus esforços no desenvolvimento de carros autônomos, apresentados como a grande virada para o mercado dos transportes para o próximo ano. Em abril, a Uber recebeu US$ 1 bilhão em uma rodada de negociações para expandir as pesquisas e projetos no segmento.

“Quando essa tecnologia funcionar o seu preço irá cair significativamente, então o mercado irá se expandir muito mais rápido. E nós temos um esforço ativo nesta tecnologia”, disse ele. Até lá, a companhia busca expandir sua atuação para outros nichos de transporte, como a Uber Eats e o mais recente Uber Bus, lançado no México e no Egito no ano passado.

*Trechos da matéria publicada no portal “Isto É Dinheiro”. Clique aqui e leia a notícia completa.

Apenas no Estado de SP famílias fecham o mês no azul

PC 25032019

Como está a sua vida financeira? Fecha o mês no vermelho ou no azul?

/// Montagem, edição e texto: EPG Consultoria /// *Proibido a cópia, total ou parcial, do conteúdo sem o consentimento prévio e expresso do autor. /// #planejamento #planejamentofinanceiro#consultoriapessoal #Brasil #gestãoempresarial #consultoria #consultoriaempresarial #gestãopme#consultoriapme #microempresa #empresasdepequenoporte #empreender